Medina Azahara, a cidade mais bela do mundo que só existiu por 70 anos

11 jun 2019

No mundo dos anos 950, ela era uma das mais belas joias em forma de cidade no planeta. Foi deslumbrante, mas efêmera.

A mítica Medina Azahara, em árabe Madinat al-Zahra, já trazia em seu nome o significado de “cidade brilhante”. Ela nasceu por ordem do califa Abderramão 3º, que decidiu por sua construção no ano de 936.

A cidade, localizada a cerca de 8 km da cidade espanhola de Córdoba, seria a capital do Califado de Córdoba, em um dos períodos mais opulentos dos tempos em que territórios da Espanha e do norte da África, durante a Idade Média, estiveram sob controle árabe (dos século 8 a 13).

De fato, a corte mudou-se para lá no ano de 945. Mas toda a deslumbrante existência da cidade, nas encostas de uma montanha e na margem direita do rio Guadalquivir, só duraria por cerca de 70 anos.